Entrevista com Vanessa Lima

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Continuando nossa série de entrevistas com nossas queridas colaboradoras, hoje conheceremos melhor Vanessa Lima – alagoana, residente em Maceió, jornalista e design de estilo, solteira (“existem pessoas que estão casadas querendo estar solteiras; outras, solteiras querendo estar casadas. Eu estou Solteira e feliz! rsrs”)

1. Quem é Vanessa e como é Vanessa? (seu jeito, personalidade, habilidades, dons, preferências, etc)

Às vezes, uma mulher com jeito de menina em outras uma menina com jeito de mulher. Meiga, doce, chorona, sensível, carinhosa, prestativa… dona de uma personalidade forte e decidida! Acredito e valorizo muito meu maior legado aqui na terra: minha educação. Tenho qualidades e defeitos, como qualquer outro ser humano.. não tenho dificuldade em pedir desculpas, sempre estou em busca do melhor, do pensamento positivo, de fazer as pessoas felizes, vê-las sorrir e deixá-las com a autoestima aguçada me faz bem! Apesar de viver numa sociedade materialista, competitiva…. EU FUJO DISSO, e tenho dificuldade em lidar com pessoas que priorizam isso. Ah! Amo papel e caneta. Não vivo sem! De uma letra faço uma palavra, de uma palavra faço uma frase, de uma frase faço um texto. Tudo me inspira! Amo a vida, amo viver.. sou uma eterna apaixonada.. Acredito muito no ser humano. E ao invés de condenar, prefiro salvar! Não preciso de muito para ser feliz.

As coisas simples da vida ninguém pode comprar, né? A simplicidade é irresistível!

2. Você possui uma marca de roupa que leva o seu nome. Como tudo começou?

Então, menina! Eu amo Barbie! Tenho uma coleção até hoje.. e, por sinal, me chamam assim: Barbie, “tia” barbie… rsrsrs

As barbies foram minhas primeiras clientes (rsrs). Quando meu pai comprava uma Barbie para mim eu abria a caixa e tirava ela, e quando não gostava muito do estilo da roupa, nem pensava duaz vezes: costumizava a roupa dela todinha! rsrs cortava o cabelo, pintava.. mexia, literalmente, em tudo! rsrs… e, assim fui crescendo, com gostos diversificados e distintos! Eu era modelo.. muitos flashs, passarelas, revistas, lojas, comerciais… então, o meio que você vive acaba influenciando, não é verdade? Nunca fui escrava da moda. “Aliás, meninas! Fujam das coisas que escavizam!” .. mas sempre tive meu estilo próprio, e não é que as pessoas amavam! Eu nunca gostei de chegar num lugar e encontrar as pessoas ali “robotizadas” – com os mesmos “estilos de roupas” só por que estava na moda… eu sempre chegava diferente e isso chamava, muitas vezes, a atenção da turma.. na verdade, a maioria das roupas que eu uso, eu desenho. E, daí a ideia: criar uma marca que trouxesse o nome da “Vanessinha” – uma marca que seja autêntica, um mix de simplicidade e sofisticação, clássica e conteporânea. Na verdade, demorei muito para tomar essa decisão. Minhas amigas, as amigas das minhas amigas… as pessoas me pediam muito as peças que eu fazia.. como sou uma pessoa que tem uma dificuldade incrível em dizer NÃO. Está aí hoje, a VL – acessível a todos! 🙂

3. Como você conheceu a IASD?

Conheci a mensagem da Igreja Adventista do 7º Dia através do grande amor da minha vida, aqui na terra: minha mãe.

Na verdade, Karyne, sou fruto de oração intercessora. “Que poder tem a mãe que ora!”

Aliás, abro um parêntese aqui “para dizer a você.. MÃE, TIA, AVÓ, IRMÃ, COMPANHEIRA, ESPOSA…. não desistam da oração, da transformação da oração na vida de quem você diz que ama… Jesus foi até o fim, e nem por um momento, Ele pensou em desistir.)

Mas assim, conhecer a Igreja mesmo, o corpo, como funciona, foi através de um Pequeno Grupo de Jovens.

4. Como foi a sua experiência de conversão?

Oww .. EU VOU CHORAR …

Eu já estava toda pronta com minhas amigas para mais uma nightclub – que vem acompanhada de cigarro, bebidas, drogas… no outro dia, abrir os sites e ler as notinhas que saíam sobre mim nas colunas sociais da cidade. Daí meu irmão mais velho (ex-roqueiro), mas que estava em processo de mudança, me convidou a ir a um Grupo de jovens, relutei bastante, ele insistiu por ser seu aniversário, alegando que seria o melhor presente que ele poderia receber de mim e, por respeito a ele, o qual amo muito, eu fui, mas avisei logo: Paulinho, vou levar todas minhas amigas e não vou demorar lá.. só vou dá uma passadinha e vou sair com as meninas, encontrar com Adrianinho (meu namorado na época) e se o pessoal me pressionar…… sabe, não é, Karyne, jornalista (senhorita das opiniões formadas) rs…

Imagina a cena: 5º andar de um edifício. Sobe aquela loura “blond” rs mais suas amigas e tocam a campainha, uma senhora jovem (muito educada e sorridente, “tia” Leila), abre a porta e diz: Boa noiteeeeeeeeeeee! Sejam bem vindaaaaas! (Fiquei encantada) e, claro, todas àquelas opiniões que eu tinha sobre eles caíram por terra.

Ao adentrar nesta casa, já senti algo diferente… as pessoas muito calorosas, educadas e sem preconceitos. Ali, naquele lugar, eu senti “O AMOR”.. pareciam não estar nem aí para meus brincos e vários piercings que eu e minhas amigas tínhamos, maquiagens com muito brilho para noite, com saltos altíssimos e roupas de boate mesmo! Eles simplesmente me amaram.

DEPOIS DAÍ?

Minhas amigas foram embora no horário combinado e eu fiquei até o fim. Disse a elas que fossem que eu iria depois… assim que elas saíram, eu me emocionei muito.. achava que era tão feliz na vida que eu levava, mas não entendia o porquê das lágrimas caindo…. as horas passaram, eu desliguei meus celulares e fui para casa me sentindo a pessoa mais estranha do mundo… escrevi para Deus e adormeci conversando com Ele.

RESULTADO? Terminei meu namoro de quatro anos, desisti da vida de modelo, deixei de ser VJ, saí dos meus trabalhos que não eu não guardava o sábado, ou seja, todos, e em 15 dias eu estava no tanque batismal, descendo as águas e surpreendendo a todos, inclusive, minha mãe. Abri mão, LITERALMENTE, de tudo na minha vida.

As palavras do Pastor João Batista (Brasília) foram:

“É bem verdade que no céu teremos surpresas, mas enquanto não chegamos no céu, teremos surpresas como esta que vai descer agora essas escadas… vem minha filha”… e eu fui!

Hoje, para a honra e glória de Jesus, posso dizer, sem medo ou vergonha:

EU SOU ADVENTISTA DO 7º DIA!

5. Você já realizou muitas coisas, apesar de se bastante jovem. Que outros sonhos você possui?

Ainda não parei para pensar na minha próxima meta. Preparei-me para o que hoje estou vivendo – física, emocionalmente, profissionalmente e espiritualmente. O tempo não me assusta, já vivi tanta coisa boa. Depois disso, o que vier é lucro. De todas as coisas que eu sonhava quando criança, consegui tudo muito cedo. Então, acredito que, com o passar dos anos só pode me trazer coisas boas, talvez coisas que eu nem tenha sonhado e venham a me surpreender. Hoje, minha vida está nas mãos de Deus. Se Ele disser: Vanessinha, meu amor, quero que você não seja mais jornalista, nem trabalhe mais com essa área de design de estilo, psicopedagogia, promoter… quero que agora você seja Advogada, médica, contadora, empregada doméstica, “Baby Care“… enfim, qualquer profissão que Ele queira que eu exerça, tenha certeza que executarei. Estudarei o quanto for necessário. Não tenho dificuldade em recomeçar ou mudar de rumo. Não sou apegada a absolutamente nada! Nasci para ser serva. Hoje posso estar aqui, falando contigo, e, amanhã, de repente, esta na África sendo uma missionária e, estarei feliz da mesma forma.

6. O que significa, para você, ser mulher adventista?

Não existe uma regra que toda mulher Adventista deve seguir e ser, existe uma escolha, um amor, um coração sincero, algo instransferível que você sente… não se explica, sente! .. eu estudei, me fundamentei e escolhi ser uma mulher adventista. Todavia, com princípios e valores antes desconhecidos por mim.
Eu só não quero NUNCA que o nosso Criador, Deus, olhe pra mim e diga:

“Visto que este povo se aproxima de mim com a sua boca, e eles me glorificaram apenas com os seus lábios, mas seu coração está muito longe de mim, e seu temor para comigo se torna mandamento de homens, que maquinalmente aprendeu.” Isaías 29: 13

Então assim, a Mulher Adventista, como qualquer outra, como qualquer outro ser humano deve ter um coração sincero, se abrir mesmo para Jesus e deixar Ele entrar e fazer morada. Quando isso acontecer, aí sim, você, MULHER, entenderá o que é ser uma Mulher, não apenas Adventista, mas ser uma mulher de Jesus. Amém?!
Seja feliz minha amiga!

11 Comentários


  1. é maravilhoso ver o cuidado de Deus para com seus filhos…
    parabens a este blog, confesso que esse testemunho me emocionou… sei que vcs estao sob os cuidados do SENHOR…
    Que seus dons e valores cresçam sempre nas mãos de Deus…um grande Beijo!!!


  2. Que entrevista Liinda My Friend (:
    Nosso Paizinho do céu sempre cuidou de você, desde antes de seus pais EXISTIREM …
    E assim será na sua vida, em tudo o que você fizer e principalmente na obra dEle, ou seja aqui neste blog também(: ..
    Amém?


  3. Nossa amiga, realmente… Deus usa, e esta usando você para honra e glória do nome dele! Que Deus continue te usando amiga e que muitas pessoas possam ficar sabendo desse Belíssimo Testemunho.
    Agradeço a Deus por sua vida, Oro por você! ele esta contigo sempre!
    Te Amo!


  4. Que coisa linda!
    Deus tem grands planos e sonhos para a vida de cada filhinho dEle. E não tem nada melhor que olhar para uma pessoa e conseguir ver Cristo nela, esse é o seu caso minha querida flor!
    Deus continue lhe abençoando, como também a sua linda familia!
    grande Beijo!


  5. Que Deus continue te usando em qual quer lugar e função, como vc mesmo mencionou. E que sua vida, seu testemunho sirva pra levar muitas pessoas a Jesus.


  6. Olá Vanessa! Parabéns mesmo por ter escolhido e ouvido o chamado de Jesus da forma tão decidida quanto foi a sua. Na maioria das vezes as pessoas chegam a Ele qdo não mais estão aguentando às pressões deste mundo.Que vc seja sempre uma luzinha no coração das pessoas,levando esse testemunho tão bonito.Abraço,Selma.


  7. A cada dia me convenço mais do amor de Deus pelos seus filhos,e dos planos secretos que Ele tem para cada um de nós. Ele sabia cada passo de tua vida Vanessinha,sabia que você iria se esconder dEle por tanto tempo,porém sabia que não irias resistir ao Seu amor!E colocou seu plano de salvação em prática,dando seu único Filho pra morrer por nós.E se só tivesse VOCÊ nessa terra de pecados,Ele viria do mesmo jeito dar Sua vida por amor!(Confia no Senhor de todo o teu coração e não se apóie na sua própria inteligência.Lembre de Deus em tudo o que fizer,e Ele lhe mostrará o caminho certo.Provérbios 3:5e6)Eu acredito que Ele já está mostrando o caminho certo!você é grande pequena frágil,e você fez e faz grandes coisas sem nem saber,só no céu saberemos quantas pessoas levamos aos pés de Cristo,só com o nosso testemunho e atos.Te amo,mana-amiga bem grandão assim até o céu!! Beijos…

    Rafaela Amorim.


  8. Meu DEUS! Que coisa mais linda essas tuas filhas falando, repara! Pai, diante de cada palavrinha dessa, posso sentir o teu toque, Tuas santas palavras. Sei da grande responsabilidade que tenho diante do mundo; diante das pessoas, e, meu maior desejo é que, mesmo que eu não more no Céu (que o SENHOR me livre disso!), de coração, espero ter contribuído de alguma forma para que elas pudessem subir mais um degrau, rumo à Canaã Celestial. Muito obrigada por elas, por essas palavras… Abençoa essas vidas e suas respectivas famílias, por favor, em nome do único que merece toda e qualquer exaltação, em nome do teu filho, nosso irmão Jesus! (:


  9. Parabens pela sua linda historia com Deus,parabens por ter escolhido o melhor sempre fazer o que Deus te pedir.
    Que Deus continue te usando e te abençoendo.


  10. Linda história de conversãoo dessa Linda Vanessinha!!! Deus a abençõe e a conserve sempree assim com eesse jeitinho especial e a agradável a Deus e a todos ao seu redor…Te admiro muitoo…!!


  11. Irmã Vanessa, assisti vc no programa consultório de família e me emocionei por seu testemunho pois já vivi algo semelhante em minha vida e vejo tantos amigos jovens ainda que vivem nas mãos do mal e parece que não estão nem aí!Vendo vc,consigo ver que há esperança,e como DEUS pode nos resgatar da perdição que a juventude vive, totalmente entregue aos “prazeres” desse mundo.
    Parabéns a Nosso DEUS e a vc por seguir o caminho certo, ainda que doloroso inicialmente, mas que é o caminho que nos leva a vida!!!Ah,com todo respeito, vc é muito bonita viu! tanto no exterior qto no interior.E que DEUS te abençoe e te guie na sua jornada!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.