“Domínio Próprio” – Lição 10

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Domínio Próprio – talvez seja aqui que se encontra toda a nossa dificuldade de servir a Deus como Ele deseja! Controlar o próprio EU e seus desejos, ah.. como isso é difícil! Difícil, porque a última coisa que queremos é impor limites aos nossos desejos, ou até mesmo dizer não ao nosso próprio EU. Em minha visão, essa é a maior dificuldade do ser humano. Se tivéssemos esse controle, todas as outras coisas que precisamos fazer seriam muito mais fáceis de serem feitas!

A lição dessa semana trouxe o exemplo de José e Sansão… mas eu gostaria que neste momento pensássemos em nós e na vida que temos levado! Onde é que temos fracassado em manter o domínio próprio? Em que áreas de nossa vida somos vencidos por nossos desejos? Será que é o paladar? Será que é quando somos ofendidos ou injustiçados por alguém?

Há uma música gravada pelo Ronaldo Arco que diz: “[…] Renunciar o próprio eu é difícil pra valer; Muito mais do que se pode imaginar; Renunciar o próprio eu é o primeiro passo a dar […]”. Ellen White, no livro A Ciência do Bom Viver, p. 485 diz:  “O inimigo que mais carecemos temer é o próprio eu.”

Então, como podemos vencer a nós mesmos?

A primeira coisa que temos que entender, é que não ganharemos essa luta sozinhos. Só conseguiremos adquirir o Domínio Próprio se tivermos a unção do Espírito Santo de Deus. Afinal de contas, estamos estudando sobre o Fruto do Espírito, fruto que só é produzido em nós por meio do Espírito Santo!

Precisamos, também, ter bem claro em nossa mente que é necessário vencermos a nós e termos Domínio Próprio. Para auxiliar nesse entendimento, seguem abaixo algumas passagens do Espírito de Profecia. Reflita nessas palavras e peça a Deu poder do Espírito Santo para que você seja um vencedor!

“Um dos mais deploráveis efeitos da apostasia original foi a perda do poder de domínio próprio por parte do homem. Unicamente à medida que esse poder é reconquistado pode haver real progresso.” A Ciência do Bom Viver, p. 129

“Todas as relações sociais exigem o exercício do domínio próprio, paciência e simpatia. Diferimos tanto uns dos outros em disposições, hábitos e educação, que variam entre si nossas maneiras de ver as coisas. Julgamos diferentemente. Nossa compreensão da verdade, nossas idéias em relação à conduta de vida não são idênticas sob todos os pontos de vista. Não há duas pessoas cuja experiência seja igual em cada particular. As provas de uma não são as provas de outra. Os deveres que para uma se apresentam como leves são para outra mais difíceis e inquietantes.” A Ciência do Bom Viver, p. 483

“Não podemos permitir que nosso espírito se irrite por algum mal real ou suposto que nos tenha sido feito. O inimigo que mais carecemos temer é o próprio eu. Nenhuma forma de vício tem efeito mais funesto sobre o caráter do que a paixão humana quando não está sob o domínio do Espírito Santo. Nenhuma vitória que possamos ganhar será tão preciosa como a vitória sobre nós mesmos.” A Ciência do Bom Viver, p. 485

“As crianças devem ser exercitadas e educadas de modo a esperarem tentações, a contarem com dificuldades e perigos. Devem ser ensinadas a ter domínio próprio, e a vencer nobremente as dificuldades. E uma vez que não se precipitem voluntariamente para o perigo, e se coloquem sem necessidade no caminho da tentação, se fugirem às más influências e às companhias viciosas, sendo então, de maneira inevitável compelidas a estar em perigoso convívio, terão suficiente força de caráter para ficar ao lado do direito e manter o princípio, mantendo, com o poder de Deus, com sua moral incontaminada. Se os jovens que foram devidamente educados puserem em Deus a confiança, sua força moral resistirá à mais severa prova. Testimonies, vol. 3, págs. 131-144.” Conselhos para Professores, Pais e Estudantes, p. 85

3 Comentários


  1. obriagado pela ajuda e que deus te abençoe


  2. vc não sabe o quanto essa palavra serviu de um corretivo do espirito santo!!!!!!!!!!!!!!!jesus te ama!


  3. essa questão é muito dificil mesmo, peço a Deus q me ajude e me transforme neste sentido…preciso! Agradeço a Deus por sua vida…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.